pedime artigo

icon-AI-areasÁREA DE INTERVENÇÃO

Turismo e Cultura

icon-AI-projPROJETO

Rota dos Templários no Médio Tejo

icon-AI-enquadENQUADRAMENTO

A região do Médio Tejo possui uma coleção patrimonial militar e religiosa de inquestionável valor, integrando no seu conjunto, elementos de cariz inovador e de relevância mundial, representativos de diferentes épocas e estilos que sobreviveram até aos dias de hoje para serem desfrutados na contemporaneidade.

Considerando a importância estratégica do Turismo Militar a nível nacional, este projeto é implementado na região do Médio Tejo com o objetivo de potenciar a atratividade, promovendo condições de desenvolvimento social e económico através da valorização e promoção do património histórico-militar regional. Compreende a estruturação de uma rede temática Templária com forte expressão territorial, assente na autenticidade local, tendo a ambição de se agregar a outros concelhos do território nacional.

Para além dos parceiros nucleares da Rota dos Templários no Médio Tejo (Ferreira do Zêzere, Tomar e Vila Nova da Barquinha), prevê-se a inclusão de outros, nomeadamente os Municípios de Abrantes, Ourém, Torres Novas e Sertã, destacados pela Associação Nacional do Turismo Militar pela sua importância histórica, cultural e militar, e o Município de Soure enquanto parceiro estratégico.

icon-AI-objOBJETIVOS GLOBAIS & ESPECÍFICOS

A Rota dos Templários pretende assumir-se como um produto turístico sob o prisma da presença templária na região e em Portugal. Está prevista posteriormente a sua divulgação no espaço europeu e internacional. Os objetivos fundamentais deste projeto incluem o aproveitamento dos principais ativos culturais e naturais da região; consolidar a oferta turística instalada e aumentar a capacidade de alavancagem turística dos principais polos de atração e das marcas historicamente reconhecidas; dotar o território com novos produtos turísticos capazes de promover o equilíbrio e a coesão territorial; e fomentar o trabalho em rede entre os agentes públicos e privados com vista à captação de novos mercados e segmentos turísticos.

icon-AI-acoesAÇÕES

Ações comuns, a promover pela CIM Médio Tejo:

- Serviços de consultoria especializada para a estruturação da Rota dos Templários;

- Definição da identidade / marca da Rota

- Aquisição de Stand para promoção da Rota Templária a nível nacional

- Desenvolvimento de website de divulgação da Rota

- Aquisição de vídeos promocionais

- Desenvolvimento de conteúdos de realidade virtual e realidade aumentada

- Desenvolvimento de aplicação / jogo virtual de promoção da Rota

- Realização de ações dirigidas a guias-intérpretes e agentes de animação turística

- Elaboração e reprodução de brochuras e folhetos promocionais / passaporte da Rota

- Ações de marketing digital

- Organização de press trips e ações com opinion leaders

Ações complementares a candidatar pelos Municípios, entidades copromotoras e parceiros nucleares da Rede (Municípios de Ferreira do Zêzere, Tomar e Vila Nova da Barquinha):

- Aquisição e implementação de sinalética turística da Rota

- Adaptação dos espaços interpretativos da Rota

- Aquisição de equipamentos e suportes necessários à utilização de conteúdos digitais

- Aquisição de réplicas ou recriações em 3D

icon-AI-munCONCELHOS ABRANGIDOS

Abrantes, Ferreira do Zêzere, Ourém, Sertã, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha.

icon-AI-timeDURAÇÃO

2020-2021

icon-AI-docDOCUMENTAÇÃO

N/A

icon-AI-finFINANCIAMENTO

Turismo de Portugal I.P. / Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior

logo-Turismo

Logo-SIG

Logo-CC

Logo-TP