m5 artigo

icon-AI-areasÁREA DE INTERVENÇÃO

Gestão do Território/ Recursos Naturais

icon-AI-projPROJETO

Médio Tejo - Projetos de boas práticas em matéria de adaptação às alterações climáticas

icon-AI-enquadENQUADRAMENTO

O presente projeto enquadra-se na candidatura ao aviso PO SEUR - 08-2019-11 “Planeamento em Adaptação às Alterações Climáticas”, eixo prioritário 2 “Promover a adaptação às alterações climáticas e a prevenção e gestão de riscos”. No período 2014-2020 Portugal assumiu o objetivo de reforçar as capacidades de adaptação às alterações climáticas, contribuindo para a implementação da Estratégia Nacional neste domínio (Estratégia Nacional de Adaptação às Alterações Climáticas – ENAAC), que tem como objetivos:

i) Atualizar e promover o conhecimento sobre as alterações climáticas e avaliar os impactes;

ii) Avaliar a capacidade de adaptação e priorizar a implementação de medidas;

iii) Promover a integração da adaptação às alterações climáticas (mainstreaming) nas políticas públicas e setoriais de maior relevância e nos principais instrumentos de planeamento territorial a nível nacional, regional e local. No sentido de demonstrar a orientação da operação para a adaptação às alterações climáticas, conforme exigência do referido aviso, foi remetido pedido de parecer à Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

icon-AI-objOBJETIVOS GLOBAIS & ESPECÍFICOS

Com o projeto “Médio Tejo – Projetos de boas práticas em matéria de adaptação às alterações climáticas” pretende-se:

• A implementação de medidas de adaptação às alterações climáticas;

• Executar ações inovadoras, tanto em relação à gestão eficiente dos recursos como em contrariar o efeito da ilha de calor, que possam ser disseminadas para outros territórios com necessidades idênticas, assim como os seus objetivos aumentados;

• Adquirir Know-how em ações inovadoras para promover a sua disseminação;

• Melhorar o conhecimento sobre as alterações climáticas, na medida em que é necessário conhecer para depois planear de forma eficaz;

• Promover novos projetos de demonstração em adaptação às alterações climáticas; Promover a resiliência dos territórios, com suporte nas medidas a implementar

icon-AI-acoesAÇÕES

A operação será concretizada através das seguintes duas ações:

- Município de Abrantes

• Ação 1 - “Cor e Aroma” – Ligação pedonal Quinchosos / Jardim do Castelo

• Ação 2 -Fornecimento de Velas tensadas nas Ruas do Centro Histórico de Abrantes

- Município de Tomar

• Ação 1 - Substituição da utilização de água para consumo na rega de espaços urbanos através da captação de águas subterrâneas.

• Ação 2 - Termorregulação do ar por nebulização no Centro Histórico de Tomar

• Ação 3 -Implementação de sistema de rega inteligente nos espaços verdes envolventes ao CDMT

- Município de Vila de Rei

• Ação 1 - Sombreamento na zona das tasquinhas do parque de Feiras de Vila de Rei

• Ação 2 - Sombreamento da área de serviço de Auto caravanismo

• Ação 3 - Impermeabilização de charca do Bosque da Vila

- Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo

• Ação 1 - Instalação de equipamentos de sombreamento em paragens

• Ação 2 - Divulgação e Comunicação

icon-AI-munCONCELHOS ABRANGIDOS

Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Sertã, Tomar, Torres Novas, Vila de Rei e Vila Nova da Barquinha

icon-AI-timeDURAÇÃO

2017-2020

icon-AI-docDOCUMENTAÇÃO

- Aviso de concurso PO SEUR - 08-2019-11 “Promover a adaptação às alterações climáticas e a prevenção e gestão de riscos” - Estratégia Nacional de Adaptação às Alterações Climáticas – ENAAC

icon-AI-finFINANCIAMENTO

Fundo de Coesão 75%

Ficha de Projeto

logo-Turismo

Logo-SIG

Logo-CC

Logo-TP