Caminhos da Pedra no próximo fim de semana no Médio Tejo

ImprimirJGLOBAL_MAIL
CIMT
Última data: 20-10-2019 00:00

Local: Médio Tejo

Ao palco do Caminhos vão subir nomes como Mia Rose, na Sertã, a 12 de outubro e Mundo Cão, no Entroncamento, a abrir o segundo fim de semana, num ciclo com muito mais música. O destaque vai para dois projetos comunitários (o “Segue-me à Capela” no Sardoal e em Vila Nova da Barquinha e a “Escola do Rock Paredes de Coura” em Ourém).  O percurso artístico “O Dom da Pena – Moinhos da Pena” com Francisco Goulão em Torres Novas será outra atração deste ciclo.

Os Caminhos da Pedra, terceiro e último de três ciclos anuais do Caminhos - programa cultural em rede no Médio Tejo – vai ter lugar de 11 a 13 e 18 a 20 de outubro, em seis municípios da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIM Médio Tejo), com entrada gratuita em todos os espetáculos.

Cerca de 20 espetáculos gratuitos, entre eles muita programação dedicada às crianças, com o Teatro Mais Pequeno do Mundo na Sertã e o espetáculo Petit dos suíços Frutillas com Crema em Ourém. Este ciclo esculpe-se entre os caminhos do Médio Tejo com muita música, bandas locais, revelações nacionais e grandes nomes do panorama musical português.

Destaque para o Projeto Comunitário “Segue-me à Capela”, uma oficina de cantares tradicionais, que passa no primeiro fim de semana pelo Sardoal e no segundo fim de semana por Vila Nova da Barquinha. É um breve périplo pelos cantares tradicionais portugueses monódicos e polifónicos. Preferencialmente, para mulheres (jovens e adultas - M/12), num número máximo de 30 participantes. Inclui uma apresentação, para a comunidade, integrada no espetáculo do grupo “Segue-me à Capela” a 13 de outubro, às 16h, no Centro Cultural Gil Vicente no Sardoal e a 18 de outubro, às 21h30, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha.

Torres Novas, que já fez parte do ciclo Caminhos do Ferro, volta a apostar num Percurso Artístico: “O Dom da Pena - Moinhos da Pena – com Francisco Goulão”. O Ponto de Partida é no Café dos Moinhos da Pena a 19 e 20 de outubro, com duas sessões por dia, às 10h30 e 16h30. Sobre o percurso, Francisco Goulão adianta que “Sem vento tudo pára. A sua força é a vida dos doze moinhos da Pena. As suas velas, as antenas que o captam, transformando-se, por vezes, em monstros fleumáticos, prenunciadores de tragédias, conflitos geradores de histórias, que nos assombram e fascinam”.

No projeto comunitário que vai ser apresentado 20 de outubro, às 18h, na Praça Mouzinho de Albuquerque em Ourém, a “Escola de Rock Paredes de Coura” mostra o resultado de um modelo de trabalho que consiste em residências e campos de férias de curta duração (de 2 a 7 dias) preenchidas com ensaios, formação, sessões de cinema, jam sessions, concertos, demonstrações de instrumentos e workshops.  No final de cada residência, ocorre um concerto de apresentação que reúne cerca de 50 músicos em palco, e que é posteriormente apresentado em digressão. Esta iniciativa já permitiu às turmas da Escola do Rock atuar em alguns dos maiores eventos de Portugal, como o Festival Vodafone Paredes de Coura, Serralves em Festa, no Museu de Serralves e Verão na Casa, na Casa da Música.

Latitude: 0.000000
Longitude: 0.000000

 

 

Todas as datas


  • De 07-10-2019 00:00 a 20-10-2019 00:00

 

Notícias

Prev Next

Aprovado Plano de Economia Circular para o Médio Tejo

A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo volta a colocar o tema da Economia Circular na ordem do dia e dar passos importantes neste âmbito. No passado dia 16 de janeiro...

23-01-2020

Autarcas voltam a assumir posição e pedem reunião sobre aeródromo de Tancos

Os autarcas do Médio Tejo deliberaram ontem, por unanimidade, no Conselho Intermunicipal da CIM do Médio Tejo, solicitar uma reunião, com carácter de urgência, ao Ministro das Infraestruturas e da Habitação.

17-01-2020

Está quase aí o Médio Tejo Adapta-(se)

Chama-se Médio Tejo Adapta-(se) e é o novo projeto da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo dirigido ao público escolar.

16-01-2020

“Voo, uma Exposição que cai bem” continua em mostra pelo Médio Tejo em 2020

“Voo, uma Exposição que cai bem” continua em itinerância pelo Médio Tejo em 2020.

16-01-2020

LINK – “Um transporte muito eficiente e interessante”

Foi lançado há um mês e o balanço não podia ser mais positivo. Chama-se LINK e está aí para servir todos os cidadãos que afluem às cidades do Médio Tejo. O...

09-01-2020

LINK – “Aproxima e confere a mobilidade a qualquer pessoa, reduzindo a pegada ecológica”

Parte às 8h00 do terminal rodoviário de Abrantes e regressa às 17h20 de Torres Novas novamente para Abrantes. Chama-se José Prates, é abrantino, tem 56 anos, e foi um dos...

27-12-2019

Programa ao Desenvolvimento das Bibliotecas Públicas será uma realidade

Decorreu no dia 20 de dezembro, no Palácio Nacional da Ajuda, em Lisboa, a cerimónia de assinatura dos contratos relativos aos projetos do Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Serviços...

26-12-2019

Fátima é palco do Encontro de Investidores da Diáspora em 2020

Fátima, no concelho de Ourém, vai acolher de 9 a 12 de dezembro de 2020, o V Encontro de Investidores da Diáspora.

23-12-2019

“Os Caminhos das Pessoas” é o novo projeto Cultural da CIM do Médio Tejo

Chama-se “Os Caminhos das Pessoas” e será uma realidade no território do Médio Tejo a partir do próximo ano 2020.

20-12-2019

logo-Turismo

Logo-SIG

Logo-CC

Logo-TP