CIM do Médio Tejo aposta uma vez mais no projeto Maria

maria

Apostada em dar continuidade à sua intervenção na área da Violência Doméstica e de Género, a Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo já arrancou com o projeto Maria II, que ficará vigente no território até novembro de 2022.

Este projeto, que compreende um investimento total de cerca de 120.500,00€, e de 102.425,00€ de Fundo Social Europeu, tem como principais objetivos consolidar as respostas municipais e intermunicipais à problemática da violência doméstica e de género existentes; combater o fenómeno da violência doméstica e de género; aumentar o número de casos reportados e sensibilizar e informar para as questões da violência doméstica e de género na região do Médio Tejo.

Direcionado para as vítimas e potenciais vítimas, para os técnicos de intervenção, docentes, estudantes e idosos, o Maria II tem como prioridades temáticas a Promoção da Igualdade entre Homens e Mulheres, a Igualdade de Oportunidades e da Não Discriminação e a Inovação na partilha comum de procedimentos e instrumentos de trabalho.

Recorde-se que durante a primeira fase do projeto, que terminou em outubro de 2019, foram implementadas treze estruturas de apoio e atendimento, em cada um dos municípios da região; foram promovidos diversos workshops a técnicos de intervenção e a professores e foram produzidos materiais formativos, informativos e pedagógicos sobre a temática.

Atualmente, para o Maria II estão previstas um conjunto de iniciativas. Através das Estruturas de Apoio e Atendimento, já criadas, será possível proceder-se ao apoio psicológico, social, jurídico, de saúde e de educação, entre outras formas de apoio, a um conjunto vasto de pessoas.

O Maria II contempla dinâmicas participativas, a apresentação e discussão de resultados e práticas, através da realização de seminários temáticos e de ações de sensibilização, tudo centrado na temática da violência doméstica e de género.

Por último, até 2022, o projeto prevê ainda a produção e divulgação de materiais formativos, informativos e pedagógicos.

No início deste mês, na CIM do Médio Tejo, em Tomar, realizou-se uma reunião com os técnicos e envolvidos no projeto para operacionalizar esta fase II.

IMG 7533 edit

Na reunião, foi apresentado e discutido o Protocolo de atuação comum das redes locais de resposta integrada à problemática da violência doméstica e de género.

O presente protocolo será estabelecido tendo em conta os princípios e objetivos da Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação 2018-2030 “Portugal + Igual” (ENIND), em linha com a Declaração e Plataforma de Ação de Pequim da ONU, de 1995, e com a Convenção do Conselho da Europa para a Prevenção e o Combate à Violência Contra as Mulheres e a Violência Doméstica, (Convenção de Istambul), de 2011.

Na reunião foi também apresentado o projeto “Menin@s - Igualdade e Não Violência”, da Associação Igualdade.pt, da qual esta CIM é parceira.

O projeto tem como objetivos a prevenção primária da violência contra as mulheres e da violência doméstica e a promoção de uma cultura de não violência, de direitos humanos, de igualdade e não discriminação, envolvendo na intervenção toda a comunidade educativa do pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico da região do Médio Tejo.

Menin@s - Igualdade e Não Violência” prevê um conjunto de ações que passam pelo desenvolvimento de uma formação avançada dirigida à equipa do projeto nas áreas da violência doméstica e violência contra as mulheres e da educação não formal; a dinamização de seminários de apresentação do projeto e seus resultados alcançados; desenvolvimento de workshops dirigidos a profissionais de educação; desenvolvimento de ações de sensibilização dirigidas a mães, pais e encarregados/as de educação; promoção de atividades de sensibilização dirigidas a crianças em ambiente de sala de aula, entre outras iniciativas.

De salientar que a CIM do Médio Tejo e os seus 13 municípios associados pretendem consolidar as respostas que foram criadas no âmbito do primeiro projeto Maria.

Para a CIM do Médio Tejo é uma necessidade alavancar toda a estrutura criada e definida para que se possa consubstanciar numa resposta efetiva às situações de violência doméstica e de género que existem ou possam surgir na região.

Esta rede intermunicipal é desdobrada em treze redes locais, cada uma relativa a um dos treze concelhos da região do Médio Tejo: Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Sertã, Tomar, Torres Novas, Vila de Rei e Vila Nova da Barquinha.

O Projeto Maria é financiado pelo POISE – Programa Operacional Inclusão Social e Emprego.

Notícias

Prev Next

Rede de transportes para todos os passageiros do Médio Tejo com novo aumento da oferta a partir de 1 de junho

Com o arranque das aulas presenciais para os alunos do ensino secundário e com a abertura de um conjunto de serviços no dia 18 de maio, considerou a CIM do...

29-05-2020

Médio Tejo: Abertura gradual de Museus deve considerar recomendações de boas práticas

Desde o passado dia 18 de maio, que os Museus poderão abrir as suas portas ao público, após o período de confinamento social. Neste sentido, a Rede de Museus do...

21-05-2020

Rede de transporte alargada e gratuita para todos os passageiros do Médio Tejo

A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo e os seus Municípios associados, em estreita articulação com os Operadores de Transporte, procederam ao alargamento da rede de serviços essenciais de transporte, vigente...

16-05-2020

Programa Caminhos suspenso

Devido à situação epidemiológica do Coronavírus – COVID-19 que assola o país, a CIM do Médio Tejo e os seus municípios associados decidiram no Conselho Intermunicipal, do dia 14 de...

15-05-2020

BTL agendada para 3 a 7 março de 2021

A Bolsa de Turismo de Lisboa já não se irá concretizar de 27 a 31 de maio de 2020, como inicialmente tinha sido comunicado, tendo a sua entidade organizadora, a...

12-05-2020

Utilização de Máscaras de Proteção

Segundo, a Direção-Geral da Saúde (DGS) o uso de máscaras faciais pelas pessoas em geral passa a ser considerado quando houver um número elevado de pessoas num espaço interior fechado...

11-05-2020

Rede gratuita garante transporte às principais ligações do Médio Tejo

Apostada em garantir o transporte público a todos os cidadãos que necessitem de se deslocar nesta fase de pandemia que o país atravessa, a CIM do Médio Tejo, em parceria...

29-04-2020

CIM do Médio Tejo distribui pelos municípios Equipamento de Proteção Individual

A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo procedeu à aquisição de equipamentos de proteção civil e material diverso, que começaram a ser entregues junto dos seus municípios associados.

27-04-2020

Rede de serviços mínimos de transporte já disponível

Dia 27 de abril entra em vigor uma rede gratuita de serviços mínimos de transporte para os cidadãos do Médio Tejo, que necessitem de utilizar o transporte público. Esta rede...

24-04-2020

Eventos

logo-Turismo

Logo-SIG

Logo-CC

Logo-TP