Aprovação de candidaturas - Promover a adaptação às alterações climáticas e a prevenção e gestão de riscos

riscos-clima

No primeiro trimestre de 2017, foram assinados os termos de aceitação de duas candidaturas aprovadas, ao abrigo do Portugal2020, no âmbito do POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos.

As referidas candidaturas, estão integradas no Eixo Prioritário 2: promover a adaptação às alterações climáticas e a prevenção e gestão de riscos, dando assim resposta aos avisos nº POSEUR -08-2016-57 e POSEUR -10-2016-43, as candidaturas foram denominadas por: Médio Tejo - Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas e Médio Tejo – Sistema de informação, planeamento, monitorização e comunicação – Sistema de videovigilância para incêndios florestais, respetivamente. 

No total as 2 candidaturas perfazem um valor global de investimento aprovado de 976.242,02€,o que corresponde a um montante de Fundo de Coesão de 829.043,66 €, inerente a uma taxa de cofinanciamento de 85%.

Com o projeto Médio Tejo – Sistema de informação, planeamento, monitorização e comunicação – Sistema de videovigilância para incêndios florestais, pretende-se a ampliação e modernização da rede de vigilância e aquisição de dados do sistema integrado de videovigilância para a prevenção de incêndios florestais, já implementados na área do Médio Tejo a qual abrange dois Distritos, Santarém e Castelo Branco.

Este sistema de acompanhamento remoto de apoio à decisão operacional de combate a incêndios permitirá uma gestão mais eficiente dos ativos e proporcionar o combate aos incêndios florestais de forma atempada e assim se minimizar os efeitos destrutivos causados pelos mesmos. Com este projeto proceder-se-á à instalação de 12 Torres de videovigilância de apoio à decisão e reforço dos 2 Centros de Gestão e Controlo implementados nos Comandos Distritais de Operação e Socorro (CDOS) de Santarém e Castelo Branco.

Com o projeto Médio Tejo - Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas, pretende-se a elaboração de estratégia intermunicipal integrada de adaptação às alterações climáticas, perfilando-se as estratégias municipais alicerçadas num melhor conhecimento das alterações climáticas a nível intermunicipal e municipal com vista à elaboração de estratégias locais de adaptação, para posterior implementação de medidas.

O projeto contribuirá para os objetivos da ENAAC 2020 (Estratégia Nacional de Adaptação às Alterações Climáticas 2020). A metodologia de trabalho terá em consideração os documentos de referência realizados e disponibilizados no âmbito dos trabalhos promovidos pelo projeto ClimaAdaPT.Local (projeto piloto integrando 26 municípios) – Estratégias Municipais de Adaptação às Alterações Climáticas. Tendo em conta as atividades desenvolvidas no âmbito do referido projeto, será adotada a metodologia de base designada por ADAM (Apoio à Decisão em Adaptação Municipal). Em termos genéricos a metodologia pressupõe identificar e caracterizar as vulnerabilidades climáticas atuais assim como as vulnerabilidades futuras, sendo que a partir desta informação serão elaborados modelos de previsão e cenários. Consoante estes modelos, proceder-se-á então à identificação de medidas de atuação corretivas para colmatar as vulnerabilidades existentes e previstas.

Notícias

PrevNext

MOÇÃO - Equidade de tratamento entre os vários territórios assolados pelos grandes incêndios de 2017

No âmbito dos grandes incêndios que assolaram o país no corrente ano, a CIM do Médio Tejo e os seus municípios integrantes, vêm apresentar a presente moção: 1.Na sequência dos grandes...

23-11-2017

6 Municípios do Médio Tejo distinguidos por práticas ‘Familiarmente Responsáveis’

O Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis distinguiu na terça-feira, dia 14 de novembro, 61 municípios com a Bandeira Verde por terem práticas amigas das famílias, como apoios à maternidade e...

15-11-2017

SERTÃ - Pinhal Maior abre candidaturas para o concurso “Moovideias”

Decorre até dia 28 de novembro o período de candidaturas à III edição do Concurso de Ideias de Negócio “Moovideias”, dinamizada pela Pinhal Maior, a realizar-se na Sertã e com...

14-11-2017

Maria do Céu Albuquerque reeleita Presidente da CIM do Médio Tejo

O Conselho Intermunicipal da CIM do Médio Tejo realizou-se, a 27 de outubro, para proceder à instalação da Presidência e Vice-Presidência da CIM do Médio Tejo, nos termos da alínea...

27-10-2017

Adaptação às Alterações Climáticas, projeto apoiado pela União Europeia

No âmbito de candidatura aprovada ao POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, encontra-se em curso o desenvolvimento de Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas. Alinhados...

26-10-2017

Sistema de videovigilância para incêndios florestais, projeto apoiado pela União Europeia

No âmbito de candidatura aprovada ao POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, promoveu-se a operacionalização dos serviços para “Fornecimento, Instalação e Monitorização de um Sistema...

26-10-2017

Aprovação da candidatura intermunicipal “Formação de Públicos Estratégicos”

Foi rececionado no passado mês de julho a notificação da decisão de aprovação da candidatura intermunicipal “Formação de Públicos Estratégicos” ao Eixo Prioritário 3 – Promover a inclusão social e...

25-10-2017

Qualificação Profissional Administração Pública Local – Ações realizadas na CIM Médio Tejo

Para o presente ano de 2017, ainda não existe abertura de candidaturas para cofinanciamento de ações de formação, no entanto, a CIM Médio Tejo continua a desenvolver a sua atividade...

25-10-2017

Bibliotecas do Médio Tejo em andamento

Realizou-se dia 20 de outubro,  com a presença do Sr. Subdiretor-geral, Dr. Luis Santos, Dr. Bruno Eiras, Drª Rosa Domingues e Mª João Guerreiro da DGLAB – Direção Geral dos...

23-10-2017

Eventos

Est-2020

sig

Vive o Empreendedorismo

central-compras

transporte-a-pedido